Jean Carlo

JEAN CARLO
(70 anos)
Cantor e Instrumentista

☼ São Paulo, SP (20/03/1943)
┼ Campinas, SP (02/07/2013)

Jean Carlo foi um cantor brasileiro que fez muito sucesso na época da Jovem Guarda. Nos anos 70, gravou com os pseudônimos Michael Davis onde interpretou a canção "Another Song", que foi tema do "Jornal Hoje" e da novela "O Semideus" (1973), e Edward Cliff.

Aos oito anos de idade ganhou seu primeiro instrumento musical, uma sanfona de oito baixos, que aprendeu a tocar sozinho. Na mesma época começou a estudar no Instituto Padre Chico, um colégio interno para cegos, em São Paulo - Jean Carlo é cego de nascença. Fez parte do coral e da banda do colégio, onde tocava bombardino que é instrumento de sopro.

Em 1959, aos 16 anos, Jean Carlo integrou uma banda de alunos do colégio, na qual tocava acordeão. Após sair do instituto, foi estudar em escola convencional, quando passou a cantar em festas, já interpretando canções em vários idiomas.

Depois de se destacar em programas de calouros, em 1964, Jean Carlo participou do programa "Reino da Juventude", apresentado por Antonio Aguillar, na TV Record. Foi quando ficou conhecido do grande do público.

Em 1965, gravou um compacto com as músicas "Eu Nasci Pra Você", versão de um sucesso italiano, e "Se Non Avessi Piu Te". No mesmo ano, foi lançado seu primeiro disco, pela gravadora Copacabana, produzido por Antonio Aguillar, de título "Eu Nasci Pra Você", na época, um sucesso de vendas em todo o país, contendo, dentre outras, a música "Aline", uma versão da original francesa.

Jean Carlo participou do programa "Jovem Guarda" desde a sua segunda edição, em 1965, no Teatro Record.

Após a gravação do primeiro disco passou a fazer shows por todo o país e a participar de vários programas de televisão da época, dentre eles: "Campeões De Popularidade", na TV Excelsior, no Rio de Janeiro, "Discoteca Do Chacrinha", "Um Instante Maestro" apresentado por Flávio Cavalcanti, "Almoço Com As Estrelas", "Clube Dos Artistas", "A Grande Parada", "Programa Silvio Santos", "Astros Do Disco", "Programa Wilson Simonal", "Corte Rayol Show", "Globo de Ouro", "Globo Music Hall", "Noite de Gala", "TV Fone", dentro outros.


Em 1969, foi lançado seu segundo disco, de título "Preciso Olhar Pra Você", com as músicas "Era Um Garoto Que Como Eu Amava os Beatles e os Rolling Stones" e "Travessia" de Milton Nascimento.

Em dezembro de 1969 Jean Carlo mudou-se para a Argentina e passou a apresentar-se em várias cidades daquele país e do Uruguai, inclusive participando de programas de televisão. No ano de 1970 ganhou o prêmio de melhor intérprete do "Festival de Costa a Costa" de Piriápolis, no Uruguai, cantando em inglês e representando os Estados Unidos.

Retornou ao Brasil em 1971, dando prosseguimento a sua carreira. Em 1972, gravou um compacto na gravadora Philips, com as músicas "Tanto Tempo Esperei" e "É Tão Fácil".

Nos anos 70, tornou-se comum músicos brasileiros gravarem canções em inglês utilizando um pseudônimo. Foi o que também aconteceu com Jean Carlo. Em 1973, pela gravadora Top-Tape, sob o pseudônimo de Michael Davis, gravou o grande sucesso "Another Song", tema da novela "O Semideus" (1973) da Rede Globo. "Another Song", na época, virou tema de abertura do "Jornal Hoje", também da Rede Globo.

Em 1974, sob o pseudônimo de Edward Cliff, pela selo Central Park, gravou um compacto com as músicas "Country Feeling" e "I'll Never Walk Alone Again", essa última um grande sucesso e também tema da novela "Super Manoela" (1974) da Rede Globo, embora não conste da trilha sonora oficial.

Na década de 70, participou com freqüência dos programas "Barros de Alencar" e da "Discoteca Do Chacrinha", principalmente cantando em inglês e interpretando os grandes sucessos da época.

Em 1975, como Edward Cliff, na gravadora RCA Victor, gravou um compacto duplo com a música "Nights Of September", que se tornou um grande sucesso. Essa gravação foi lançada em espanhol na América do Sul e em inglês na América do Norte e Europa. No Brasil, foi lançada em espanhol e inglês. "Nights Of September" ficou por 13 semanas no topo das paradas de sucesso da Itália. A gravação em inglês, foi relançada várias vezes no Brasil, sendo a última delas em 1999, na coletânea "Hits Again" da Som Livre.

Em razão do sucesso das gravações feitas por Jean Carlo como Edward Cliff, em 1977, estava programada uma excursão para a Europa, apoiada pela gravadora RCA Victor. A viagem não ocorreu devido a uma mudança na direção da gravadora.

Em 1977, ainda como Edward Cliff, gravou a música "Summer Love", que fez parte da trilha sonora internacional da novela "Sem Lenço Sem Documento" (1977), da Rede Globo. Jean Carlo também gravou compactos e canções utilizando os pseudônimos de Steve Brandy, Gary Bristol, Peter Knapp, Steve Robinson e Marty Rivers.


A partir de 1975, passou a integrar o movimento religioso católico de evangelização, ministrando palestras e se apresentando - cantando e tocando órgão - em igrejas e comunidades de todo o país. Foram mais de mil cidades visitadas até o ano de 1987, período no qual desenvolveu o trabalho de evangelização e animação de comunidades.

Nos anos 80, participou de vários discos de temática religiosa, dentre eles a série "Louvemos O Senhor", Comunicação Musical Editora Paulinas (COMEP).

Em 1987 retomou seu trabalho no circuito comercial, apresentando-se em festas e shows, cantando e tocando teclado, tendo incorporado ao seu repertório clássicos do jazz, blues e MPB, interpretando temas em diversos idiomas (português, inglês, espanhol e italiano e francês).

Participou do show de comemoração dos trinta anos da Jovem Guarda, no ano de 1995, no Vale do Anhangabaú, em São Paulo.

Em 1996 foi convidado a participar do programa "Louvemos O Senhor", produzido pela Associação do Senhor Jesus (ASJ), na época veiculado na Rede Vida de Televisão. Passou, então, a ter maior contato com o trabalho de evangelização promovido pela entidade. No mesmo ano, gravou dez faixas do CD "As Mais Lindas Canções da Igreja Católica" (ASJ).

No ano de 1998 lançou o CD "Obrigado Senhor" pela Associação do Senhor Jesus, contendo as músicas "Amazing Grace", "Creio Em Ti" e outras. Foi produzido um clip da música "Olho Em Tudo".

De 1998 a 1999 participou do programa de televisão "Deus Abençoe", veiculado pela Rede Vida, o qual era gravado sempre em diferentes cidades tendo Jean Carlo como atração musical fixa.

Em 2000, seus dois primeiros discos foram relançados pela gravadora EMI em um CD duplo da Série BIS - Jovem Guarda.

Atualmente Jean Carlo residia na cidade de Campinas, SP, e continuava apresentando-se em festas e shows.

Morte

Jean Carlo faleceu em Campinas, interior de São Paulo na manhã de terça-feira, 02/07/2013, aos 70 anos de idade, onde passava por tratamento de uma doença neurológica.

Fonte: Site Oficial Jean Carlo
Indicação: Miguel Sampaio

4 comentários:

  1. Saudades deste grande Cantor que foi esquecido e desprezado pela midia, e faleceu no ostracismo e esquecimento. Apesar ter sido sucesso nos anos 60/70. Nenhuma Tv ou Radio registrou a sua passagem
    para o outro plano e mesmo lamentavel so no Brasil acontecem essas coisa.

    ResponderExcluir
  2. É muito triste mesmo um dos maiores cantor da jovem guarda ,fazia sucesso reais e duradouro ,pena que a mídia é muito comercial mesmo somente se interessa no que tem retorno rápido e no momento.Estava lendo esta matéria agora e pensando que fazia tempo que ele nao aparecia no meio das comunicaçoes ,e derrente vejo que ele morreu e faz pouquíssimo tempo.
    Que Deus o tenha.

    Joao Carlos
    http://qsldobrasil.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Lamentável a mídia brasileira, a violência e os bbbs dão retorno, que tristeza. Eu o conheci, pessoalmente, em um show em Biritiba Mirim. Só fiquei sabendo hoje. Será que merecemos o que somos? Povo sem memória por isso é que sempre reelegemos os mesmos que nos ferram.
    Fique em PAZ.
    Raimundo N.Valentevalentenato@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  4. jean carlo ou edward cliff, tanto faz os dois era um so,um dos maiores cantores do brasil. saudades.

    ResponderExcluir

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!