Joãosinho Trinta

JOÃO CLEMENTE JORGE TRINTA
(78 anos)
Artista Plástico e Carnavalesco

* São Luís, MA (23/11/1933)
+ São Luís, MA (17/12/2011)

Até os 18 anos de idade viveu em São Luís, Maranhão, onde trabalhou como escriturário. Mudou-se para o Rio de Janeiro em 1951.

Começou sua carreira carnavalesca no Grêmio Recreativo Escola de Samba Acadêmicos do Salgueiro, onde foi campeão, como assistente, em 1965, 1969 e 1971.

Após a saída dos carnavalescos Fernando Pamplona e Arlindo Rodrigues, foi promovido a carnavalesco da escola onde fez dupla com a artista plástica Maria Augusta no carnaval de 1973, com o enredo "Eneida: Amor e Fantasia".

Já como carnavalesco-solo ganhou o bi-campeonato em 1974 com "O Rei de França na Ilha da Assombração" e em 1975 com "O Segredo das Minas do Rei Salomão".


Após divergências com a diretoria salgueirense, transferiu-se para a escola de samba Beija-Flor, onde deu seu toque de genialidade com enredos ousados e luxuosos que deram à agremiação nilopolitana os títulos de 1976, 1977, 1978, 1980 e 1983, além de vários vice-campeonatos, entre eles os de 1986 com "O Mundo é Uma Bola" e o de 1989 com "Ratos e Urubus, Larguem a Minha Fantasia" gerando controvérsias com a igreja católica ao tentar levar ao desfile uma imagem do Cristo Redentor caracterizado como mendigo.

Também foi campeão nos Grupos de Acesso com as escolas Império da Tijuca e Acadêmicos da Rocinha, além de ter feito carnavais para escolas de São Paulo.

Após problemas de saúde transferiu-se para a escola de samba Unidos do Viradouro, onde ganhou o título do carnaval de 1997 com o impactante "Trevas! Luz! A Explosão do Universo".

Teve passagem marcante na Grande Rio com o 3º lugar inédito para a escola em 2003.

Em 11 de julho de 2006, após sofrer dois Acidente Vascular Cerebral (AVC), foi internado no Rio de Janeiro e, vinte dias depois, transferido para o Hospital Sarah Kubitschek, de Brasília, de onde teve alta em 19 de outubro.

Em 2006 transferiu-se definitivamente para o Distrito Federal onde foi agraciado com o título de Cidadão Honorário de Brasília e em 2010, concorreu a Deputado Distrital, mas não consegui eleger-se.

Morte

Joãozinho Trinta morreu no dia 17/12/2011 em um hospital de São Luís, capital do Maranhão, sua cidade natal, por choque séptico e infecção generalizada, e apresentava quadro de pneumonia e infecção urinária, razão pela qual estava internado há duas semanas.

Fonte: Wikipédia e UOL Notícias

3 comentários:

  1. o cara morreu em 2011, há um erro ai

    ResponderExcluir
  2. n acreditei, imaginava q ja era falecido

    ResponderExcluir
  3. Ele foi um grande Campeão do Carnaval Carioca e deu muito títulos e a escola de samba Beija-flor e com muito incentivo também ............eu que ele era um Canavalesco nato.......por que tinha criatividade

    ResponderExcluir

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!