Helena Greco

HELENA GRECO
(95 anos)
Ativista dos Direitos Humanos e Política

* Abaeté, MG (15/06/1916)
+ Belo Horizonte, MG (27/07/2011)

Helena Greco nasceu em Abaeté, MG, em 15/06/1916, filha do italiano Antonio Greco e da mineira Josefina Álvares Greco. Foi casada com José Bartolomeu Greco por 64 anos, e com ele teve três filhos: Marília, Heloísa e Dirceu.

Farmacêutica de formação, graduou-se em Farmácia, em 1937, na Faculdade de Farmácia da Universidade Federal de Minas Gerais, sem nunca ter exercido a profissão formalmente, Helena Greco se tornou referência na luta pelos direitos humanos. Começou a militar aos 61 anos, em 1977, e não parou mais. O primeiro marco de sua participação política foi a luta pela anistia. Helena Greco foi presidente e fundadora do Movimento Feminino pela Anistia-MG, em 1977, e do Comitê Brasileiro de Anistia-MG, no ano seguinte. Em 1979, foi a representante do Brasil no Congresso pela Anistia do Brasil em Roma.

Teve participação ativa em praticamente todos os movimentos e lutas que envolvem o binômio direitos humanos e cidadania. Foi idealizadora e criadora de várias entidades, entre elas, a Coordenadoria de Direitos Humanos e Cidadania da Prefeitura de Belo Horizonte, o Conselho Municipal da Mulher, o Fórum Permanente de Luta pelos Direitos Humanos de Belo Horizonte, o Grupo de Trabalho Contra o Trabalho Infantil e o Movimento Tortura Nunca Mais.

Em 2002, foi homenageada pelo Programa Sempre Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com Medalha de Honra UFMG Ex-Aluno, por indicação da Faculdade de Farmácia. Helena Greco é mãe do professor Dirceu Greco, da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais.

Em 2005, Helena Greco foi uma das 52 brasileiras que integraram a lista do Projeto Mil Mulheres para o Prêmio Nobel da Paz, iniciativa da Fundação Suíça Pela Paz e Associação Mil Mulheres.

Helena Greco foi a primeira vereadora eleita da capital mineira, nas eleições de 1982 e uma das fundadoras do Partido dos Trabalhadores (PT) na cidade. Exerceu dois mandatos, de 1982 a 1992.

Foi agraciada com vários prêmios e distinções, entre os quais Prêmio Chico Mendes de Resistência (1995), Prêmio Cidadania Mundial (1999) e Prêmio "Che" Guevara (2002). Além disso, foi designada para receber o Prêmio Estadual de Direitos Humanos, em 1998.

A volta dos exilados e a segurança dos perseguidos políticos se tornaram a preocupação de todos os seus dias. Escapou de um atentado a bomba e de uma série de ameaças a sua integridade física. Com a restauração da democracia, Helena Greco seguiu na luta. Participou ativamente do Grupo Tortura Nunca Mais. Elegeu-se vereadora e criou a primeira Comissão Permanente de Direitos Humanos na Câmara Municipal de Belo Horizonte.


Morte

Helena Greco morreu em casa, em Belo Horizonte, aos 95 anos, após apresentar um quadro de pneumonia.

O corpo de Helena Greco, foi velado no Cemitério Parque da Colina, região oeste de Belo Horizonte, na tarde de quarta-feira, 27/07/2011. 

Conhecida no meio político como "Dona Helena", a ex-vereadora deixou três filhos - Marília, Heloísa e Dirceu Greco - , e três netos, Helena, Júlia e Gustavo Greco

Fonte: Wikipédia

Um comentário:

  1. Soneto do amigo

    Enfim, depois de tanto erro passado
    Tantas retaliações, tanto perigo
    Eis que ressurge noutro o velho amigo
    Nunca perdido, sempre reencontrado.

    É bom sentá-lo novamente ao lado
    Com olhos que contêm o olhar antigo
    Sempre comigo um pouco atribulado
    E como sempre singular comigo.

    Um bicho igual a mim, simples e humano
    Sabendo se mover e comover
    E a disfarçar com o meu próprio engano.

    O amigo: um ser que a vida não explica
    Que só se vai ao ver outro nascer
    E o espelho de minha alma multiplica...

    Vinícius de Moraes
    --------------------------------------
    DESCULPANDO-ME PELA AUSÊNCIA. ABRAÇOS ILUMINADOS...

    ResponderExcluir

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!