Marc Ferrez

MARC FERREZ
(79 anos)
Fotógrafo

☼ Rio de Janeiro, RJ (07/12/1843)
┼ Rio de Janeiro, RJ (12/01/1923)

Marc Ferrez retratou cenas dos períodos do Império Brasileiro e início da República Brasileira, entre 1865 e 1918, sendo que seu trabalho é um dos mais importantes legados visuais daquelas épocas.

Um dos pioneiros da fotografia no Brasil. Abandonou os estudos em Paris (1859) e voltou ao Rio de Janeiro onde trabalhou com o gravador e litógrafo George Leuzinger. Aprendeu a fotografar com o engenheiro e botânico Franz Keller e fundou sua própria firma, a Marc Ferrez & Cia (1864).

Participou de uma expedição científica da Comissão Geológica do Império do Brasil, quando fotografou pela primeira vez, em plena selva, os índios Botocudos (1875). Participou de várias exposições internacionais e teve algumas obras premiadas.

Foi professor de fotografia da Princesa Isabel e, por seu trabalho artístico, recebeu do imperador Dom Pedro II o grau de Cavaleiro da Ordem da Rosa (1885). Entusiasta também do cinema, inaugurou o Cine Pathé (1907), na Avenida Central.

Marc Ferrez morreu em sua cidade natal e deixou um acervo de centenas de chapas fotográficas. Sua obra constituiu um acervo fotográfico que se destacou pelo registro da natureza do país e registro da transformação radical da paisagem urbana do Rio de Janeiro no início do século XX.

Um álbum de fotografias (1906-1907) sobre a arquitetura da Avenida Central, hoje Avenida Rio Branco, é tida como sua obra mais conhecida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!