Luiz Carlos Buruca

LUIZ CARLOS PULCHÉRIO DE MEDEIROS
(63 anos)
Ator e Diretor

☼ São João Del Rey, MG (06/10/1948)
┼ Rio de Janeiro, RJ (29/04/2012)

Luiz Carlos Buruca foi um ator e diretor teatral. Estreou aos 19 anos em Brasília, numa peça de Maria Clara Machado, "Chapeuzinho Vermelho"Luiz Carlos Buruca trabalhou no teatro em diversas peças, brasileiras, como "Memórias de um Sargento de Milícias", "Vestido de Noiva", "Deus Lhe Pague", "Apenas Bons Amigos", "Toda Nudez Será Castigada", "A Estrela Dalva", "Bonitinha Mas Ordinária", e montagens brasileiras de obras estrangeiras como "Equus", "Charity, Meu Amor", "O Tempo e os Conways", "Bent" e o supermusical "A Chorus Line", de 1983, como ator e bailarino.

Como diretor, encenou "Pippin" e "Pluft, o Fantasminha", além de "Uma Família Feliz", de Hans Christian Andersen, entre outros.

Na televisão, participou de diversas novelas, entre elas "A Moreninha" (1975), "Estúpido Cupido" (1976), "Cambalacho" (1986), "Kananga do Japão" (1989), onde viveu o cantor Vicente Celestino, "O Clone" (2001), "Alma Gêmea" (2005), entre outras.

Além de telenovelas, Luiz Carlos Buruca também esteve em programas da linha de shows da TV Globo como "Planeta dos Homens", "Viva o Gordo", "Chico Anysio Show" e minisséries como "Ciranda Cirandinha" (1978), "Plantão de Polícia" (1979) e "Castelo Rá Tim Bum" (1994), da TV Educativa.

No cinema, teve participações em "Menino do Rio" (1981), "O País dos Tenentes" (1987) e "Sonhos de Menina Moça" (1987).

Formado em jornalismo pela Universidade de Brasília (UNB), foi diretor artístico do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Estado do Rio de Janeiro (SATED-RJ).

Morte

Luiz Carlos Buruca faleceu na tarde do dia 29/04/2012, aos 63 anos, no Hospital Rio Laranjeiras, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Segundo informações do hospital, o ator teve uma parada cardiorrespiratória. De acordo com a amiga Lidoka, cantora do antigo grupo As FrenéticasLuiz Carlos Buruca tinha problemas pulmonares.

Fonte:  Wikipédia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!