Lélia Coelho Frota

LÉLIA COELHO FROTA
(71 anos)
Crítica de Arte, Curadora de Arte, Poetisa, Tradutora e Antropóloga

* Rio de Janeiro, RJ (11/07/1938)
+ Rio de Janeiro, RJ (27/05/2010)

Escritora, antropóloga, historiadora de arte, membro da Associação Brasileira de Críticos de Arte (ABCA), da Associação Brasileira de Antropologia (ABA), da União Brasileira dos Escritores (UBE) e do PEN Clube do Brasil. Foi diretora do Instituto Nacional do Folclore da Fundação Nacional de Artes (FUNARTE) e ex-presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

Lélia Coelho Frota é autora de inúmeros livros sobre arte e cultura brasileiras, pesquisando principalmente as manifestações da arte popular.

Foi responsável pelas representações brasileiras nas Bienais de Veneza de 1978 e 1988 e curadora da exposição Brésil, Art Populaire Contemporain, no Grand Palais, Paris, 1987, e fundadora do Museu de Arte Popular Edson Carneiro.

Prêmiações

Foi agraciada com o Prêmio Jabuti, pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) em 1979, na categoria poesia e o Prêmio Olavo Bilac pelo livro "Menino Deitado Em Alfa" (Editora Quíron, 1978).


Livros Publicados


  • 1978 - Mitopoética de 9 Artistas Brasileiros
  • 1982 - Ataíde
  • 1986 - Mestre Vitalino
  • 1994 - Burle Marx: Paisagismo no Brasil
  • 2005 - Pequeno Dicionário da Arte do Povo Brasileiro


Fonte: Wikipédia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!