Armando Bógus

ARMANDO BÓGUS
(63 anos)
Ator

☼ São Paulo, SP (19/04/1930)
┼ São Paulo, SP (02/05/1993)

Armando Bógus foi um ator nascido em São Paulo, SP, no dia 19/04/1930. Atuou em teatro, cinema e televisão.

Armando Bógus estudou no Colégio Marista Arquidiocesano. Na década de 50, foi expulso de dois colégios de São Paulo por militar em grupos de esquerda.

Na década de 50, participou do Grupo Jograis de São Paulo fundado pelo ator Ruy Afonso que se apresentava no Brasil e no exterior recitando poesias de diversos autores.

Estreou como ator em 1955, com a peça "Moral Em Concordata", que se transformou no seu primeiro filme em 1959.

Na televisão começou na TV Excelsior e, no teatro, destacou-se sua parceria com o diretor Ademar Guerra, participando em peças como "Marat Sade" (1967) e na primeira montagem de "Hair" no Brasil, em 1969.


Fundou, com Antunes Filho e Felipe Carone o Pequeno Teatro de Comédia (PTC), enquanto encenava peças brasileiras na televisão. Armando Bógus viveu personagens marcantes da teledramaturgia brasileira e foi um dos atores da primeira versão de "Vila Sésamo", primeiro na TV Cultura e depois na TV Globo, em 1972, ao lado de Sônia Braga, Laerte Morrone e Aracy Balabanian.

Nas novelas, os seus personagens mais marcantes foram o comerciante Nacib em "Gabriela" (1975), o austero Estêvão em "O Casarão" (1976), o médico Daniel em "Ciranda de Pedra" (1981), Licurgo Cambará na minissérie "O Tempo e o Vento" (1985), o avarento Zé das Medalhas em "Roque Santeiro" (1985), o esperto Modesto Pires em "Tieta" (1989) e o vilão Cândido Alegria, personagem que construiu se inspirando no Fradinho, do Henfil, e no padrão clássico do político mineiro, em "Pedra Sobre Pedra" (1992), a sua última telenovela.

No cinema também foi presença constante nas décadas de 70 e 80 em filmes como "A Compadecida", "Anuska, Manequim e Mulher", "O Cortiço", "Doramundo", "Paula, a História de Uma Subversiva", "Teu, Tua" e "Os Campeões".

Armando Bógus foi casado duas vezes. A primeira com a também atriz Irina Grecco com quem teve o filho Marco Antonio, e a segunda com Elisabeth Nunes Souza. Era primo do jornalista Luís Nassif.

Morte

Armando Bógus faleceu no dia 02/05/19993, aos 63 anos, em São Paulo, SP, vítima de leucemia. Por conta da doença ficou internado quase dois meses no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, se submetendo a uma quimioterapia.

Armando Bógus e Sônia Braga em "Gabriela" (1975)
Carreira

Televisão

  • 1993 - Sex Appeal ... Baltazar
  • 1992 - Pedra Sobre Pedra ... Cândido Alegria
  • 1990 - Meu Bem, Meu Mal ... Felipe Mello
  • 1989 - Tieta ... Modesto Pires
  • 1988 - Bebê a Bordo ... Liminha
  • 1987 - Bambolê ... Gabriel
  • 1985 - Roque Santeiro ... Zé das Medalhas
  • 1985 - O Tempo e o Vento ... Licurgo Cambará
  • 1984 - Partido Alto ... Artur
  • 1984 - Meu Destino É Pecar ... Narrador
  • 1983 - Champagne ... Farid
  • 1983 - Louco Amor
  • 1982 - Final Feliz
  • 1982 - Sétimo Sentido ... Valério Ribeiro
  • 1981 - Ciranda de Pedra ... Daniel
  • 1980 - Coração Alado ... Gamela
  • 1980 - Chega Mais ... Nestor
  • 1979 - Marron Glacê ... Nestor
  • 1978 - Pecado Rasgado ... Nélio
  • 1977 - Sem Lenço, Sem Documento ... Henrique
  • 1976 - O Casarão ... Estevão Bastos
  • 1975 - Gabriela ... Nacib
  • 1972 - Vila Sésamo ... Juca
  • 1970 - A Próxima Atração ... Pardal
  • 1969 - Sangue do Meu Sangue ... Maurício Camargo
  • 1968 - Legião dos Esquecidos ... Roberto
  • 1966 - Redenção ... Eduardo
  • 1966 - As Minas de Prata ... Cristovão
  • 1966 - Almas de Pedra ... Ricardo
  • 1965 - Os Quatro Filhos ... Gérson
  • 1964 - O Pintor e a Florista ... Marcos
  • 1964 - A Outra Face de Anita ... Hugo
  • 1964 - As Solteiras ... Luiz Emílio

Cinema

  • 1982 - Os Campeões ... Mário
  • 1979 - Por Um Corpo de Mulher
  • 1979 - Teu Tua
  • 1979 - Paula - A História de Uma Subversiva
  • 1978 - Doramundo
  • 1978 - J.J.J., o Amigo do Super-Homem ... João Juca Júnior (J.J.J.)
  • 1978 - O Cortiço
  • 1970 - Parafernália o Dia de Caça
  • 1969 - A Compadecida ... João Grilo
  • 1968 - Anuska, Manequim e Mulher ... Amigo de Sabato
  • 1959 - Moral em Concordata ... Chico
  • 1958 - Macumba na Alta

Fonte: Wikipédia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!