Ariclê Perez

ARICLÊ PEREZ
(62 anos)
Atriz

* Campinas, SP (07/09/1943)
+ São Paulo, SP (26/03/2006)

Foi casada com o diretor de teatro Flávio Rangel (1934 - 1988). Com carreira predominantemente teatral, Ariclê participou de mais de 40 peças teatrais, boa parte delas dirigidas por Flávio. Estreou na montagem de Electra, em 1967.

Contratada da Rede Globo desde 1988, participou ininterruptamente de várias novelas e minisséries. Alguns de seus papéis mais marcantes foram Elisinha Jordão, da segunda versão de Anjo Mau (1997), a Rosa Maria de Meu Bem, Meu Mal (1990) e a Ametista, de Felicidade (1991). Antes de sua contratação pela Rede Globo, participou de Cortina de Vidro, no SBT e de Como Salvar Meu Casamento, a última novela da extinta Rede Tupi, que não chegou a ter seu final exibido.

Seu último trabalho foi a minissérie JK, onde viveu a mãe de Juscelino, Júlia Kubitschek, na segunda fase da trama. Era uma das atrizes prediletas de Maria Adelaide Amaral, autora da minissérie, havendo trabalhado em praticamente todas as suas tramas desde a novela Anjo Mau.

Na Televisão

2006 - JK (Minisérie) ... Júlia Kubitschek
2004 - A Diarista (Participção Especial) ... Pérola
2004 - Sob Nova Direção (Participção Especial) ... Branca
2004 - Um Só Coração (Minisérie) ... Madame Claire
2003 - A Casa Das Sete Mulheres (Minisérie) ... Madre Cecília
2002 - Sandy & Junior (Série) ... Olga
2001 - Os Maias (Minisérie) ... Maria da Gama
1997 - Anjo Mau ... Elisinha Jordão Ferraz
1996 - Salsa e Merengue ... Gilda
1995 - Decadência (Minisérie) ... Celeste
1994 - Memorial de Maria Moura (Minisérie) ... Gertrudes
1991 - Felicidade ... Ametista
1990 - Meu Bem, Meu Mal ... Rosa Maria Gentil
1989 - Cortina de Vidro (SBT)
1989 - Sampa
1979 - Como Salvar Meu Casamento ... Valquíria (TV Tupi)
1976 - Canção para Isabel (TV Tupi)

No Cinema

2005 - Quanto Vale ou é Por Quilo?
1981 - Pixote, a Lei do Mais Fraco
1971 - Paixão na Praia

Prêmios

Venceu o prêmio de melhor atriz coadjuvante no festival do Ceará pelo filme "Quanto vale ou é por quilo?"

Morte

No dia 26 de março de 2006, logo após o fim da minissérie JK (que terminou dia 24 de março de 2006), Ariclê suicidou-se, pulando da janela de seu apartamento (10º andar), no bairro de Higienópolis, em São Paulo, onde vivia sozinha e 1 hora antes da morte deixou um bilhete com o porteiro contendo telefone de familiares "caso acontecesse algo". Ela passava por um momento de depressão. Por uma ironia do destino, em sua última cena na minissérie JK, sua personagem, Dona Júlia, falecia.

Fonte: Wikipédia

Um comentário:

  1. Triste demais o fim da vida dessa atriz que era tão elegante, altiva. Faz muita falta!

    ResponderExcluir

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!