Emílio Santiago

EMÍLIO SANT'ANNA SANTIAGO
(66 anos)
Cantor

* Rio de Janeiro, RJ (06/12/1946)
+ Rio de Janeiro, RJ (20/03/2013)

Emílio Santiago formou-se em Direito pela Faculdade Nacional de Direito na década de 70, mas a paixão pela música fez com que ele iniciasse sua carreira participando de diversos festivais de música, sendo vencedor de muitos deles. Participou de programas de calouros, chegando as finais num programa de Flávio Cavalcanti, na extinta TV Tupi e trabalhou como crooner da orquestra de Ed Lincoln, além de muitas apresentações em boates e casas de espetáculos noturnas.

Em 1973 lançou o primeiro compacto, com as canções "Transa de Amor" e "Saravá Nega", que ocasionou maiores participações em rádios e programas televisivos.

O primeiro de LP de Emílio Santiago foi lançado pela CID em 1975, com canções esquecidas de compositores consagrados como Ivan Lins, João Donato, Jorge Benjor, Nelson Cavaquinho, Guilherme de Brito, Marcos VallePaulo Sérgio Valle, dentre outros.

Transferiu-se no ano seguinte para a Philips/Polygram, permanecendo neste selo até 1984, pelo qual lançou dez álbuns, todos com pouca repercussão. Foi escolhido como melhor intérprete no Festival dos Festivais, da TV Globo em 1985, com a canção "Elis Elis".

O sucesso veio na verdade em 1988, quando lançou o LP "Aquarela Brasileira" pela Som Livre, um projeto especial de sete volumes, dedicado exclusivamente ao repertório de música brasileira. O  projeto ultrapassou a marca de quatro milhões de cópias vendidas. Nesta época, lançou também outros projetos especiais, como um tributo ao cantor Dick Farney, "Perdido de Amor" (1995), ou regravando clássicos do bolero hispânico, "Dias de Luna" (1996).

Assinou com a Sony Music em 2000. O disco que marca a estreia na nova gravadora é "Bossa Nova", que trouxe muitos clássicos do gênero e também rendeu um DVD. Prosseguiu com "Um Sorriso Nos Lábios" (2001), um tributo a Gonzaguinha e outro ao compositor acreano João Donato em 2003.

O mais recente álbum de Emílio Santiago foi "O Melhor Das Aquarelas Ao Vivo", onde reviu o repertório de música brasileira que gravou a partir do álbum "Aquarela Brasileira" (1988), e que entre os méritos consta ser o primeiro disco ao vivo de Emílio Santiago e o segundo DVD da carreira, após "Bossa Nova".


Morte

Emílio Santiago morreu aos 66 anos o cantor, estava internado no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Samaritano, em Botafogo, na Zona Sul do Rio de Janeiro. A informação foi confirmada pela assessoria da unidade hospitalar. O cantor morreu em função de complicações decorrentes de um Acidente Vascular Cerebral Isquêmico (AVC) que sofreu no dia 07/03/2013.

Emílio Santiago morreu às 6:30 hs de quarta-feira, 20/03/2013, após permanecer 13 dias internado.

O velório do cantor será realizado no Memorial do Carmo, no Caju, na Região Portuária do Rio.


Discografia

  • 1975 - Emílio Santiago
  • 1976 - Brasileiríssimas
  • 1977 - Comigo É Assim
  • 1977 - Feito Pra Ouvir
  • 1978 - Emílio
  • 1979 - O Canto Crescente De Emílio Santiago
  • 1980 - Guerreiro Coração
  • 1981 - Amor De Lua
  • 1982 - Ensaios De Amor
  • 1983 - Mais Que Um Momento
  • 1984 - Tá Na Hora
  • 1988 - Aquarela Brasileira
  • 1989 - Aquarela Brasileira 2
  • 1990 - Aquarela Brasileira 3
  • 1991 - Aquarela Brasileira 4
  • 1992 - Aquarela Brasileira 5
  • 1993 - Aquarela Brasileira 6
  • 1995 - Aquarela Brasileira 7
  • 1995 - Perdido De Amor
  • 1996 - Dias De Luna
  • 1997 - Emílio Santiago
  • 1998 - Emílio Santiago
  • 1998 - Preciso Dizer Que Te Amo
  • 2000 - Bossa Nova
  • 2001 - Um Sorriso Nos Lábios
  • 2003 - Emílio Santiago Encontra João Donato
  • 2005 - O Melhor Das Aquarelas (Ao Vivo)
  • 2007 - De Um Jeito Diferente
  • 2010 - Só Danço Samba

Fonte: Wikipédia e G1
Indicação: Miguel Sampaio

2 comentários:

  1. ESSE VOZEIRÃO VAI DEIXAR MUITAS SAUDADES.

    ResponderExcluir
  2. Em 1971, Emílio Santiago gravou as músicas "You've Got a Friend" e "Imagine", sob o pseudônimo de Claude Marcel, e também a música "Summer Holiday", com o pseudônimo de Teddy, para uma coletânea chamada EXPLOSÃO MUNDIAL.
    Deixa saudades, sim...

    ResponderExcluir

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!