Ipojucan

IPOJUCAN LINS DE ARAÚJO
(52 anos)
Jogador de Futebol

* Maceió, AL (03/06/1926)
+ São Paulo, SP (19/06/1978)

Apesar de ter sido um dos jogadores mais altos do seu tempo, com 1,90m, Ipojucan era um meia habilidoso e criativo, comparado por muitos a um malabarista com a bola. Seus dribles de efeito, passes de calcanhar e lançamentos inteligentes eram sensacionais e, graças as suas jogadas surpreendentes, Ademir marcou dezenas de gols. Além disso, Ipojucan também sabia fazer gols. Arredio, detestava treinar e era psicologicamente frágil. Durante o intervalo da final do campeonato estadual de 1950, não queria voltar a campo alegando sentir-se mal, mas foi forçado debaixo de safanões do técnico Flavio Costa. Mesmo alheio a partida, caído pela ponta direita, deu um magnífico passe para Ademir marcar o gol do título. Depois de participar da conquista de vários títulos pelo Vasco, e de integrar a Seleção Brasileira, foi para a Portuguesa de Desportos.

Na infância jogava no Canto do Rio, um clube de Niterói-RJ, com 11 anos foi treinar no Club de Regatas Vasco da Gama, onde ficou durante 20 anos. Marcou 225 gols em 413 partidas pela equipe principal do Vasco tornando-se o quinto maior artilheiro da equipe Vascaína. Em 1954 transferiu-se para a Portuguesa de Desportos-SP.

Foi convocado para jogar pela Seleção Brasileira por 8 vezes.

Morreu de complicações renais.

Fonte: Wikipédia e www.netvasco.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!