Reinaldo, O Príncipe do Pagode

REINALDO GONÇALVES ZACARIAS
(65 anos)
Cantor e Compositor

☼ Rio de Janeiro, RJ (09/11/1954)
┼ São Paulo, SP (18/11/2019)

Reinaldo Gonçalves Zacarias, mais conhecido como Reinaldo, O Príncipe do Pagode, foi um cantor nascido no Rio de Janeiro, RJ, no dia 09/11/1954. Interpretava canções de diversos compositores como Ronaldo Barcellos, Arlindo Cruz, dentre outros.

Nascido no bairro de Cavalcanti, na Zona Norte do Rio de Janeiro, Reinaldo era frequentador da Em Cima da Hora, escola de samba do bairro, famosa por imortalizar o samba-enredo "Os Sertões".

Reinaldo criou o grupo O Samba Nosso de Cada Dia para alegrar festas e eventos, até que começou a acompanhar gente de peso no samba como Dona Ivone Lara, João Nogueira e Roberto Ribeiro.

Paralelo à música, Reinaldo era bancário do Citibank, até que em 1982 abandonou o emprego, mudou-se para São Paulo, onde se tornaria um dos precursores do pagode na cidade, fenômeno já consagrado no Rio de Janeiro.

Em São Paulo, não só foi bem sucedido, como gravou seu primeiro disco "Retrato Cantado De Um Amor" (1986) e se tornou conhecido no Brasil inteiro.

O apelido O Príncipe do Pagode, que marcaria eternamente na carreira veio por acaso: Em 1987, um locutor de uma rádio FM do Rio de Janeiro costumava apelidar artistas anunciados por ele. Um dia, ao anunciar Reinaldo, que despontava no cenário musical, o locutor diz: "Reinaldo, O Príncipe do Pagode".


Em 1987, Leci Brandão interpretou "Me Perdoa Poeta" (Reinaldo e Leci Brandão), no disco "Dignidade", pela gravadora Continental. Neste mesmo ano, de 1987, lançou o disco "Aquela Imagem", disco no qual interpretou "Coisa De Amante" (Adilson Bispo e Zé Roberto), "Nos Pagodes Da Vida" (Roberto Serrão e Guilherme Nascimento), "Que Pecado" (Arlindo Cruz, Zeca Pagodinho e Acyr Marques), "Falso Rubi" (Adilson Bispo e Zé Roberto), "Faça de Conta" (Jorge Aragão), "Coco de Catolê" (Beto Sem Braço e Joel Menezes), "Aquela Imagem" (Riko Dorilêo e Marquinhos China) com participação de Ana Clara, "Como Te Esquecer" (Wilson Ney e Jorge Carioca), "Por Que Não Amar" (Adilson Victor e Sombrinha), "Segredo Omitido" (Mário Sergio, Zé Carlinhos, Ivan, Paulinho Pires e Guinão), "Amor De Verdade" (Vaguinho e Rachado) e "Existe Um Traidor Entre Nós" (Chico Santana) com participação da Velha Guarda da Portela.

Em 1989, pela gravadora Continental, lançou o LP "Reinaldo". Neste disco, a faixa "Vem Pra Ser Meu Refrão" (Zeca Pagodinho e Arlindo Cruz), foi uma das mais divulgadas. Presentes também no disco as faixas, "Pra Ser Minha Musa" (Arlindo Cruz, Chiquinho e Marquinhos PQD), "Me Dê Uma Chance" (Wilson Ney), "Lotação" (Arlindo Cruz e Bandeira Brasil), "Pra Desabafar" (Paquera), "Meu Amor" (Paulo Santana e Jorge Santana), "Agonia Da Gente" (Flávio Coelho Neto, Ronaldo Batera e Mauro Passarinho), "Quem Diria" (Dhema), "Tempo De Paz" (Rico Dorliêo e Henrique Damião) e "Falando Dos Astros" (Sereno, Mauro Diniz e Jorge Aragão). Neste mesmo ano participou da coletânea "Tropical FM Volume 1", na qual interpretou as faixas "Trapaças Do Amor" (César Rodrigues e Cabo Velho) e "Falsas Juras" (Neguinho da Beija-Flor e Nicinha), LP no qual também participaram Pedrinho da Flor, Elymar Santos, Mauro Diniz, Djane, Ana Clara, Dominguinho do Estácio, Elza Soares, Marquinhos Satã e Elson do Forrogode.

No ano de 1990, pela gravadora Continental, lançou o disco "Coisa Sentimental", no qual interpretou composições como "Gafieira Maneira" (Lourenço e Adilson Victor), "Disco De Bolero" (Sombra e Paulo César Pinheiro), "Corpo" (Altay Veloso) e "Doce Lembrança" (Almir Guineto e Adalto Magalha), além das músicas "Ela Não Entendeu" (Arlindo Cruz e Acyr Marques), "Coisa Sentimental" (Zé Rodrix, Reina e Beto), "Melhor Pra Nós Dois" (Rainier Carvalho), "Coisa Da Raça" (Luizinho SP), "Doce Lembrança" (Almir Guineto e Adalto Magalha), "Onde Está?" (Sombrinha e Arlindo Cruz) e "Ira De Hortelã" (Mário Sérgio).


Em 1991, ao lado de Grupo Malakacheta, Zélia Bastos, Lourenço, Bruno Maia, Grupo Pirraça, Mauro Diniz, Eros, Royce do Cavaco, Ana Clara, Criolo Doido e Dunga, foi incluído na coletânea "Sucessos da Rádio Princesa FM", na qual interpretou a faixa "Saudade Inocente" (Délcio Luis, Geraldão e Euci Cabral).

No ano 2000, ao lado de Zeca Pagodinho, Leci BrandãoAlmir Guineto, Grupo Fundo de Quintal e Beth Carvalho, participou do disco "Os Melhores Do Ano II", gravado ao vivo em São Paulo. Neste CD, interpretou "Pra Ser Minha Musa". Neste mesmo ano, lançou pela gravadora Continental o CD "Reinaldo E Seus Convidados - Pagode Pra Valer". O disco contou com a participação de Marcelo D2 na faixa "Malandragem Dá Um Tempo", sucesso de Bezerra da Silva, Beo na faixa "Lama Nas Ruas" e do grupo Racionais MC's na música "Mãos".

Em 2011, foi homenageado pelo Jornal Capital Cultural com o Troféu de Melhor Show de 2010 realizado na casa Parada da Lapa, no Rio de Janeiro, RJ.

Em 2012, se candidatou a uma vaga de vereador na cidade de São Paulo pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), mas não conseguiu ser eleito.

Em 2013 comemorou a marca de 50 mil cópias vendidas do DVD "Reinaldo E Convidados", em show apresentado no Clube Renascença, no Rio de Janeiro, onde foi homenageado com o Disco de Ouro. Reinaldo foi uma das principais atrações do palco montado na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, para as comemorações do Réveillon de 2013.

Em 2014, foi uma das atrações principais do palco montado na Praia da Moreninha, na Ilha de Paquetá, RJ, para as comemorações do Réveillon de 2014.

Morte

Reinaldo faleceu na madrugada de segunda-feira, 18/11/2019, aos 65 anos, em Osasco, SP, após uma parada cardiorrespiratória. Ele tratava de um câncer de pulmão diagnosticado há quatro anos, mas seguia apresentando-se.

Discografia


  • 1986 - Retrato Cantado De Um Amor
  • 1987 - Aquela Imagem
  • 1989 - Reinaldo
  • 1991 - Papel Assinado
  • 1992 - Soneto De Prazer
  • 1995 - Samba Meu Brasil
  • 1997 - Traz De Volta Minha Paz
  • 1999 - Pagode Pra Valer - Volume 1
  • 2000 - Pagode Pra Valer - Volume 2
  • 2000 - Coisa Sentimental
  • 2001 - Pagode Pra Valer - Volume 3
  • 2002 - 15 Anos De Samba
  • 2009 - Reinaldo E Convidados
  • 2011 - Canto Do Rei
  • 2013 - Reinaldo E Seus Convidados
  • 2017 - 30 Anos: Uma Vida De Muito Samba

Indicação: Miguel Sampaio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!