Louzadinha

OSWALDO LOUZADA
(95 anos)
Ator

☼ Rio de Janeiro, RJ (12/04/1912)
┼ Rio de Janeiro, RJ (22/02/2008)

Oswaldo Louzada , conhecido artisticamente por Louzadinha, foi um ator brasileiro nascido no Rio de Janeiro, RJ, no dia 12/04/1912.

Louzadinha passou a infância no centro da cidade entre escaladas ao Morro de Santo Antônio e jogos de bola de meia na Praça Tiradentes. Morou com a família em anexo das instalações do Teatro Recreio, onde seu pai, o engenheiro-eletricista Guilherme (Cadete), era iluminador. Cedo, entrou em contato com o repertório de peças e operetas. Sua primeira incursão no palco dá-se no vaudeville "Meia-Noite e Trinta", no Teatro São José. Mas deve seu aprendizado no ofício a Eugênia Álvaro Moreyra e a Álvaro Moreyra, criadores do Teatro de Brinquedo.

Pensou em seguir a profissão paterna, e matriculou-se em curso de iluminação – uma idéia que não foi adiante.

Mudou-se para São Paulo em 1944 onde, sob direção de Oduvaldo Viana, fez parte do elenco de rádio-teatro da Rádio Panamericana. Na ocasião era o noivo de Alair Nazarett, também atriz contratada para o mesmo elenco. Em verdade, porém, Oswaldo Louzada era mais ator de cinema. Nesse mesmo ano de 1944 fez os filmes, "Gente Honesta" (1944) e "É Proibido Sonhar" (1944).

Oswaldo Louzada e Carmem Silva
De volta ao Rio de Janeiro, participou de "Uma Luz na Estrada" (1948), "Inconfidência Mineira" (1948), "É Proibido Beijar" (1954), "Mãos Sangrentas" (1955), "Leonora dos Sete Mares" (1955), "Rio Fantasia" (1957), "Rico Ri à Toa" (1957), "Mulher de Fogo" (1959), "Esse Rio Que Eu Amo" (1962), "O Assalto ao Trem Pagador" (1962), "Gimba, Presidente dos Valentes" (1963), "Viagem Aos Seios de Duília" (1964) "Procura-se Uma Rosa" (1964),  "Crônica da Cidade Amada" (1964), "Lampião, o Rei do Cangaço" (1965) e "Uma Garota em Maus Lençóis" (1970).

Em 1971, Oswaldo Louzada voltou seus olhos para a televisão e fez "Bandeira 2" na TV Globo. Percebeu que a aceitação do público era maior do que o cinema e resolveu intercalar uma coisa e outra.

Fez o filme "Guerra Conjugal" (1976) e novamente telenovelas. O papel em "Mulheres Apaixonadas" (2003) foi a sua consagração, e Oswaldo Louzada foi considerado uma revelação como vovô, parceiro da grande atriz Carmem Silva.

Sua última participação na televisão foi em um episódio do programa humorístico "Sob Nova Direção", em 2004.

Louzadinha era um dos mais velhos atores em atividade do país, com 95 anos, quando veio a falecer vítima de falência múltipla dos órgãos decorrente de uma pneumonia, na madrugada de 22/02/2008.

Telenovelas e Minisséries


  • 2005 - Sob Nova Direção (Episódio: Sexo , Mentiras e DVD) ... Estevão
  • 2004 - Hábito Duvidoso ... Bispo Abelardo
  • 2003 - Zorra Total
  • 2003 - Mulheres Apaixonadas ... Leopoldo de Sousa Duarte
  • 2002 - O Quinto dos Infernos ... Alencastro
  • 2000 - Uga Uga ... Moretti
  • 1995 - Cara e Coroa
  • 1995 - Engraçadinha: Seus Amores e Seus Pecados
  • 1991 - Vamp ... Padre Euzébio
  • 1990 - Desejo ... Erico Coelho
  • 1989 - Pacto de Sangue ... General Tóti
  • 1988 - O Primo Basílio ... Cunha Rosado
  • 1986 - Hipertensão ... Padre Vicente
  • 1985 - O Tempo e o Vento ... Florêncio (Velho)
  • 1983 - Champagne ... Aristides
  • 1982 - Final Feliz ... Olegário
  • 1981 - Brilhante ... Leonel
  • 1979 - Cabocla ... Felício
  • 1978 - Pecado Rasgado ... Bilu
  • 1977 - Locomotivas ... Chico Rico
  • 1976 - Estúpido Cupido ... Guimarães
  • 1975 - Escalada ... Galbino
  • 1971 - Bandeira 2 ... Lupa Papa-Defunto
  • 1959 - Grande Teatro Tupi

Filmes

  • 1996 - A Casa de Açúcar
  • 1976 - Guerra Conjugal ... João Corno
  • 1973 - João da Silva
  • 1972 - História de Subúrbio
  • 1970 - Uma Garota em Maus Lençóis
  • 1965 - Lampião, O Rei do Cangaço
  • 1964 - Procura-se Uma Rosa
  • 1964 - Viagem Aos Seios de Duília
  • 1964 - Crônica da Cidade Amada
  • 1963 - Gimba, Presidente dos Valentes
  • 1962 - Esse Rio Que Eu Amo
  • 1962 - O Assalto ao Trem Pagador
  • 1959 - Mulher de Fogo
  • 1957 - Rio Fantasia
  • 1957 - Rico Ri à Toa
  • 1955 - Leonora dos Sete Mares
  • 1955 - Mãos Sangrentas
  • 1954 - É Proibido Beijar
  • 1948 - Uma Luz na Estrada
  • 1948 - Inconfidência Mineira
  • 1944 - É Proibido Sonhar
  • 1944 - Gente Honesta

Fonte: Wikipédia
#FamososQuePartiram #Louzadinha

Um comentário:

  1. A primeira vez que vi o ator na tv, foi na novela "final feliz", na pele do engraçado Olegário! Achava bárbaro sua atuação na tv. Descanse em paz.

    ResponderExcluir

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!