Zilka Salaberry

ZILKA SALABERRY
(87 anos)
Atriz

* Rio de Janeiro, RJ (31/05/1917)
+ Rio de Janeiro, RJ (11/03/2005)

Obteve grande sucesso com personagens de telenovelas como a Sinhana de "Irmãos Coragem", Donana Medrado de "O Bem Amado" e a Dona Benta do "Sítio do Pica-Pau Amarelo", papel que mais marcaria sua carreira. Devido à sua atuação neste seriado infantil, Zilka passou a fazer parte da infância de várias gerações de brasileiros, sendo sempre reconhecida pelo público como a Vovó Benta.

De família de artistas, era filha da atriz e radialista Luisa Nazareth e irmã das atrizes Alair Nazareth e Lourdes Mayer. Foi casada com o ator Mário Sallaberry.

Formada em Economia, não exerceu a profissão. Após seu casamento com Mário Sallaberry, que era ator, foi ela para o teatro, adotando o sobrenome Sallaberry. Estreou no Teatro Municipal de Niteroi, com um pequenino papel. Gostou e se emocionou muito. Ingressou depois para a companhia de Procópio Ferreira e a seguir na companhia de Dulcina de Moraes. Seus papéis foram melhorando, fazendo importantes peças, sempre mais comédias do que dramas. Trabalhou também com Alda Garrido e com Dercy Gonçalves.

Estreou como atriz profissional no filme "Cidade-Mulher" (1936), de Humberto Mauro.

Transgressora dos costumes, foi a primeira a tirar a roupa em uma peça de teatro, em 1950 na peça "A Copa do Mundo". Quando ela tirava o maiô, as luzes se apagavam.

Na televisão, estreou em 1956, na extinta TV Tupi do Rio de Janeiro, no programa "Câmera Um". No ano seguinte atuou na telenovela "A Canção de Bernadete".

Durante dez anos participou do Teatrinho Trol, programa que adaptava contos infantis. A Zilka cabia sempre o papel de bruxa.

Depois de passar pela TV Rio e voltar a TV Tupi Rio, Zilka chegou a TV Globo em 1967, estreando na telenovela "A Rainha Louca".

Zilka Salaberry e Jacira Sampaio
Na TV Globo realizou seus trabalhos mais importantes, como "Irmãos Coragem", "O Bem Amado", "O Casarão", "Que Rei Sou Eu?", "O Primo Basílio" e "Vale Tudo".

Seu último papel na TV foi em "Esperança" (2002), de Benedito Ruy Barbosa, ano em que também atuou no filme "Xuxa e os Duendes 2".

Zilka sofria de Insuficiência Renal, Infecção Urinária e Desidratação Aguda e estava em estado grave por conta de complicações respiratórias, já que era portadora de doença pulmonar crônica. Faleceu vítima de Insuficiência Respiratória causada por Infecção Pulmonar Crônica.

Fonte: Wikipédia
#FamososQuePartiram #ZilkaSalaberry

4 comentários:

  1. A eterna imagem da vovó,amada e querida por todos...Ela vai ser sempre a minha Dona Benta.

    ResponderExcluir
  2. Lélia de Souza-Marília-SPterça-feira, 22 janeiro, 2013

    Saudades das pessoas q passaram alegria na nossa infância,meus amores, Tia Nastácia e vovó Benta...Jamais esquecerei de tudo de bom q me proporcionou,q foi a docura e a vontade de vê-las todos os dias.

    ResponderExcluir
  3. ERA A BRUXINHA DE PLANTÃO DA VESPERAL TROL INESQUECÍVEL

    ResponderExcluir
  4. Tia Cora, uma cadeirante em VÉU DE NOIVA, Kiki Vassourada em CORRIDA DO OURO

    ResponderExcluir

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!