Anselmo Duarte

ANSELMO DUARTE BENTO
(89 anos)
Ator, Roteirista, Diretor, Produtor e Editor

* Salto, SP (21/04/1920)
+ São Paulo, SP (07/11/2009)

O ator, roteirista e cineasta Anselmo Duarte Bento, mais conhecido como Anselmo Duarte, começou no cinema como molhador de tela, aos 10 anos de idade. No tempo das fitas mudas, o projetor ficava atrás da tela e a esquentava. Era preciso jogar água a cada dois rolos de filme para evitar incêndios.

Na infância, Anselmo Duarte queria ser projecionista, como o irmão Alfredo. Essa experiência foi usada em um dos filmes de Anselmo Duarte, "O Crime do Zé Bigorna", ambientado em 1928. Na trama, enquanto Charles Chaplin agitava a tela, Lima Duarte e Stênio Garcia a molhavam.

O primeiro trabalho de Anselmo Duarte como ator foi no filme inacabado de Orson Welles "It's All True" (1942).

Anselmo Duarte foi o maior galã do cinema brasileiro nos anos 40 e 50, estrelando obras na Cinédia, na Atlântida e na Vera Cruz. Seu primeiro trabalho como diretor, "Absolutamente Certo" (1957), era uma comédia como aquelas que lhe deram fama como ator e estrelada por ele e Dercy Gonçalves.

Em 1962, lançou "O Pagador de Promessas", o único filme brasileiro a receber o maior prêmio mundial do cinema, a Palma de Ouro no Festival de Cannes. O jovem diretor venceu concorrentes que pertencem à história cinematográfica, como Luis Buñuel, "O Anjo Exterminador", Michelangelo Antonioni, "O Eclipse", e Robert Bresson, "O Julgamento de Joana d'Arc".

Na premiação em Cannes, a embaixada brasileira em Paris não emprestou a bandeira brasileira para o Festival. Depois de alguma confusão, Anselmo Duarte teve de tomar uma bandeira emprestada, que tinha metade do tamanho oficial. Por isso, só foi hasteada a bandeira do vencedor, pois, caso as outras fossem abertas, ela destoaria.

De volta ao Brasil, os diretores do Cinema Novo moveram uma campanha que contra "O Pagador de Promessas".

"Fizeram de tudo para denegrir a minha conquista, que foi referendada em vários outros festivais naquele ano."
(Anselmo Duarte)


Segundo ele, a campanha se manteve com o filme seguinte, "Veredas da Salvação" (1964), duramente criticado na imprensa brasileira e elogiado no exterior, em especial no Festival de Berlim. O filme, estrelado por Raul Cortez, Lélia Abramo, José Parisi e Maria Isabel de Lizandra hoje é considerado cult.

Como ator, um de seus filmes preferidos é "Sinhá Moça" (1953), de Tom Payne, no qual ele faz um belo discurso em favor da liberdade. Anselmo Duarte contracena com Eliane Lage nessa história do século 19, de uma jovem que se apaixona por advogado e vive um grande drama de amor, numa época em que as idéias abolicionistas ganhavam força e eram violentamente combatidas. O filme, produção da Vera Cruz, ganhou o Prêmio Especial do Júri, em Veneza. A atuação de Anselmo Duarte também foi elogiada no papel do compositor Zequinha de Abreu, em "Tico-Tico no Fubá" (1952) ao lado de Tônia Carrero.

Dos filmes feitos na Cinédia, o destaque é "Pinguinho de Gente" (1947). Na Atlântida, Anselmo Duarte atuou e refez o roteiro de "Carnaval no Fogo", do diretor Watson Macedo. Foi também ator em "Independência ou Morte" (1972) e seu último trabalho foi no filme "Brasa Adormecida" na década de 80, estrelado por Maitê Proença e Edson Celulari. Nesse filme ele atuou ao lado da ex-mulher, a atriz Ilka Soares, que ele conheceu na Vera Cruz e com quem teve um filho.


A Morte

O diretor estava internado no Hospital das Clínicas, em São Paulo, desde o dia 28 de outubro de 2009, após ter sofrido o terceiro Acidente Vascular Cerebral (AVC). Ele também lutava contra um câncer na bexiga, diagnosticado em agosto do mesmo ano.

Segundo o filho do diretor, o empresário Ricardo Duarte, o corpo do cineasta foi levado para a cidade natal do diretor, Salto, no interior paulista. Lá, recebeu uma breve homenagem da prefeitura e foi enterrado no Cemitério Municipal da cidade.

Além de Ricardo Duarte, o diretor também é pai de Anselmo Duarte Júnior, Lídia Soares Duarte e Regina Hooper Duarte.

Carreira Ator
  • 1987 - Brasa Adormecida
  • 1982 - Tensão No Rio
  • 1979 - Feijão Maravilha (Novela)
  • 1978 - Embalos Alucinantes
  • 1976 - Paranóia
  • 1976 - Já Não Se Faz Amor Como Antigamente
  • 1976 - Ninguém Segura Essas Mulheres
  • 1975 - A Casa Das Tentações
  • 1974 - A Noiva Da Noite
  • 1974 - O Marginal
  • 1972 - Independência Ou Morte
  • 1968 - A Madona De Cedro
  • 1968 - Juventude E Ternura
  • 1967 - O Caso Dos Irmãos Naves
  • 1967 - A Espiã Que Entrou Em Fria
  • 1961 - As Pupilas Do Senhor Reitor
  • 1960 - Un Rayo De Luz
  • 1958 - O Cantor E O Milionário
  • 1957 - Absolutamente Certo
  • 1957 - Arara Vermelha
  • 1956 - Depois Eu Conto
  • 1956 - O Diamante
  • 1955 - Carnaval Em Marte
  • 1955 - Sinfonia Carioca
  • 1953 - Sinhá Moça
  • 1952 - Veneno
  • 1952 - Apassionata
  • 1952 - Tico-Tico No Fubá
  • 1951 - Maior Que O Ódio
  • 1950 - Aviso Aos Navegantes
  • 1950 - A Sombra Da Outra
  • 1949 - Pinguinho De Gente
  • 1949 - O Caçula Do Barulho
  • 1949 - Carnaval No Fogo
  • 1948 - Terra Violenta
  • 1948 - Inconfidência Mineira
  • 1947 - Querida Susana
  • 1947 - Não Me Digas Adeus

Carreira Roteirista

  • 1979 - O Caçador De Esmeraldas
  • 1977 - O Crime Do Zé Bigorna
  • 1976 - Já Não Se Faz Amor Como Antigamente
  • 1976 - Ninguém Segura Essas Mulheres
  • 1973 - O Descarte
  • 1972 - Independência Ou Morte
  • 1971 - Um Certo Capitão Rodrigo
  • 1969 - O Impossível Acontece
  • 1969 - Quelé Do Pajeú
  • 1964 - Vereda De Salvação
  • 1962 - O Pagador De Promessas
  • 1961 - As Pupilas Do Senhor Reitor
  • 1957 - Absolutamente Certo
  • 1956 - Depois Eu Conto
  • 1955 - Carnaval Em Marte
  • 1952 - Amei Um Bicheiro
  • 1949 - Carnaval No Fogo

Carreira Diretor

  • 1979 - Os Trombadinhas
  • 1977- O Crime Do Zé Bigorna
  • 1976 - Já Não Se Faz Amor Como Antigamente
  • 1976 - Ninguém Segura Essas Mulheres
  • 1973 - O Descarte
  • 1971 - Um Certo Capitão Rodrigo
  • 1969 - O Impossível Acontece
  • 1969 - Quelé Do Pajeú
  • 1964 - Vereda De Salvação
  • 1962 - O Pagador De Promessas
  • 1957 - Absolutamente Certo

Carreira Produtor

  • 1973 - O Descarte
  • 1972 - Independência Ou Morte
  • 1968 - A Madona De Cedro
  • 1968 - Os Carrascos Estão Entre Nós
  • 1964 - Vereda De Salvação
  • 1961 - As Pupilas Do Senhor Reitor
  • 1956 - Depois Eu Conto
  • 1955 - Carnaval Em Marte

Carreira Editor

  • 1956 - Depois Eu Conto
  • 1955 - Carnaval Em Marte
  • 1949 - Carnaval No Fogo

Fonte: Wikipédia e Dramaturgia Brasileira In Memoriam

2 comentários:

  1. Um dos maiores nomes do cinema nacional! Dois clássicos dele foram, Tico-Tico no Fubá e O Pagador de Promessas que ele dirigiu. Esse último, além de ser indicado ao oscar de melhor filme extrangeiro, ganhou a palma de ouro em Cannes.

    ResponderExcluir
  2. Tive o prazer de conviver durante um fim de ano no Hotel Vacance de Aguas deLindoia no qual eu era Gerente Comercial e fizemos um Reveillon Tematico ,sendo um dos Artistas convidados o Grande Anselmo ,pessoa super carismatica que em todo o tempo nos levou ao seu maravilhoso acervo de memorias de nosso cinema e de suas realizaçoes artisticas

    ResponderExcluir

Atenção!

Prezado amigo leitor, a partir desta data, 13/05/2019, não serão mais aceitos comentários anônimos. Portanto, não me responsabilizarei pelos comentários que alguém possa vir a fazer denegrindo a imagem de quem quer que seja e que esteja publicada neste blog.

Antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato!